11/07/2013

O Amor está Morto - II

II

Se pudéssemos comparar, com o que compararíamos o amor? Bom, sinceramente, porque não podemos? É apenas um sentimento. Interpretações do cérebro às milhares de reações químicas que acontecem a cada segundo em nosso corpo. Nosso organismo nos pregando algumas peças, ou tentando nos alertar, como se fumássemos uma pedra de crack, o quão perto da loucura nós estamos. Afinal, não é isso o amor, uma droga das mais pesadas... Um passaporte para a loucura sem volta. O amor é um vício que nos obriga a tê-lo, a querê-lo, a senti-lo, para que consigamos todos os bônus que vêem com ele. Será que é mais fácil levar alguém pra cama sem convencê-lo que existe amor envolvido na jogada?