03/07/2014

Como já disse antes, "sexo sem orgasmo é como um café se cafeína".

... como sempre digo: se as pessoas fizessem mais amor, o mundo seria muito melhor e mais tranquilo. A sociedade deveria transar (mais) com mais amor e respeito, gozar mais, ter mais orgasmos, múltiplos e eternos, insaciáveis, constantes, incontroláveis, epiteliais... orgasmos alucinógenos.

Respeitem as mulheres, marmanjos. Elas têm muito a oferecer, mas não encontram alguém que às compreendam em sua simplicidade. O orgasmo é o grito de liberdade, de vida e de valorização de toda mulher. Deem a elas pelo menos um. Todas merecem ter um orgasmo ao menos uma vez na vida.

Não estou falando de putaria, sexo pelo sexo. Estou falando de felicidade. Aproveitem a vida, motherfuckers. Let's rock, let's love!

Como já disse antes, "sexo sem orgasmo é como um café se cafeína".



Facebook/Marco Buzetto